Páginas

PROJETOS DE ARQUITETURA



ESPECIALIDADE DE ARQUITETO URBANISTA
Há 30 anos nossa equipe multidisciplinar, com comprovada experiência técnica e responsabilidade, proporciona segurança e qualidade na coordenação e execução de projetos e obras e tem como prioridade o estilo de viver/trabalhar do cliente, sua disponibilidade financeira bem como os seguintes itens:

* Estrutura funcional/Habitabilidade (praticidade e bem-estar);
* Circulação (espaços necessários para circular com conforto);
* Ergonomia (dimensões apropriadas à cada situação);
* Acessibilidade;
* Luminosidade (orientação solar e quantidade de luz natural incidente);
* Uso das cores (estilo e conforto visual);
* Concepção adequada e racional da estrutura e dos projetos complementares;
* Escolha criteriosa de revestimentos e equipamentos;
* Composição de forros e detalhes em gesso e iluminação;
* Layout de interiores (projeto de mobiliário);
* Mão de obra qualificada;
* Racionalização de custos.
CONHEÇA AS ETAPAS DO PROJETO ARQUITETÔNICO:
Atenção! o escopo de cada etapa de trabalho será definido conforme a necessidade de cliente/serviço a ser realizado.
1) ESTUDO PRELIMINAR
Consiste na determinação da viabilidade urbanística, do programa de necessidades, do quadro estimativo de áreas e diretrizes a serem adotadas na elaboração do projeto arquitetônico.
Esta etapa é destinada à coleta das informações de referência que representem as condições preexistentes, de interesse para a elaboração do projeto, podendo incluir os seguintes tipos de dados:
*estudo de viabilidade urbanística é destinado à elaboração de análise e avaliações para seleção e determinação de alternativas para a concepção da edificação e de seus elementos, instalações e componentes, entre outros.
*Físicos: planialtimétricos, cadastrais (edificações, redes, etc.), geológicos, hídricos, ambientais, climáticos, ecológicos e outros.
*Técnicos: análise das possibilidades técnicas construtivas (solução estrutural, materiais e tecnologia empregadas na região).
*Legais e Jurídicos: análise da legislação urbanística e do Código de Obras Municipal.
*Socio/Econômicos;
*Segurança Contra Incêndios;
*Ergonomia;
*Informática e Automação Predial e outros.
2)ANTEPROJETO
Após criteriosa avaliação dos condicionantes levantados no Estudo Preliminar o Anteprojeto é a etapa destinada à concepção e à representação gráfica das informações técnicas e formais da proposta arquitetônica e de seus elementos, instalações e componentes.
O anteprojeto prevê soluções técnicas, de implantação, espaciais, formais e funcionais através de plantas baixas mobiliadas ilustrativas e maquete eletrônica ilustrativa dos volumes, texturas, cores e materiais propostos.
Nesta etapa também é possível elaborar estimativas aproximadas de custos e de prazos dos serviços de obra implicados.
3)PROJETO DEFINITIVO
Definição e representação da solução formal e funcional do projeto, solução construtiva, acabamentos externos e internos, cobertura, esquadrias, posicionamento geral dos pontos de instalações hidrossanitárias, elétricas, de telefonia, shafts, dutos de ventilação entre outros.
Solução à nível de plantas, cortes e fachadas, devidamente cotados, contendo representação clara das informações técnicas, da estrutura e das instalações em geral, com base nas exigências legais, que possibilitem a conclusão dos projetos complementares e posterior execução da obra.
4)PROJETO LEGAL
Esta etapa inclui a elaboração dos documentos gráficos, descritivos e legais necessários para a aprovação do Projeto Definitivo com base nas exigências legais (municipal, estadual, federal), e também a obtenção do alvará, licenças e demais documentos indispensáveis para as atividades de construção.
5)PROJETO EXECUTIVO/DETALHAMENTO
São elementos gráficos e descritivos necessários à execução da obra, elaborados em escala apropriada.
São passíveis de detalhamento, conforme especificidade do projeto, os seguintes itens:
6)ASSESSORIA PARA APROVAÇÃO DE PROJETO
Atividade que envolve a prestação de serviços por profissional com conhecimento especializado, visando ao auxílio técnico para a aprovação de projetos perante órgãos de controle, fiscalização ou de financiamento.
7)ASSISTÊNCIA À EXECUÇÃO DA OBRA
Atividade complementar do projeto exercida por profissional arquiteto para verificação da implantação do projeto na obra, visando assegurar que sua execução obedeça fielmente às definições e especificações técnicas nele contidas.
A assistência à execução da obra não pode ser confundida com gestão, gerenciamento, execução ou fiscalização de obra.
8)AS BUILT
Atividade técnica que, durante e após a conclusão de obra ou serviço técnico, consiste na revisão dos elementos do projeto em conformidade com o que foi executado, objetivando tanto sua regularidade junto aos órgãos públicos como sua atualização e manutenção.
9)ARQUITETURA DE INTERIORES
Campo de atuação profissional da Arquitetura e Urbanismo que consiste na intervenção em ambientes da edificação, definindo a forma de uso do espaço em função de acabamentos, mobiliário e equipamentos, além das interfaces com o espaço construído – mantendo ou não a concepção arquitetônica original –, para adequação às novas necessidades de utilização.
Esta intervenção se dá no âmbito espacial, estrutural, das instalações, do condicionamento térmico/ acústico/lumínico, da comunicação visual, dos materiais, texturas e cores e do mobiliário.